|it’s a new Day, a new life, for me… And i’m feeling good|

Ter a certeza que o dia de ontem foi o último, que esta noite terá sido a última e que o dia que agora começa será o primeiro de uma nova vida.

Este é um caminho sem volta, com a certeza que nada mais será como antes, com a certeza que, mesmo que tudo corra menos bem, nunca nada será como foi até então.

O dia começa com a certeza de que esta terá sido a melhor escolha, a melhor opção, o melhor caminho.

O dia começa com a certeza absoluta de um novo começo. Um nova lente se impõe, uma nova lente que permitirá ver a vida de uma nova forma, sob uma perspectiva diferente, com um foco diferente e com uma nova correspondência de valores.

Não pretendo esquecer o percurso, não pretendo substituir por outras memórias as memórias dos dias passados. Pretendo manter sempre presente todas as etapas, todos os percalços, todos os pedregulhos que foram surgindo, que me fizeram tropeçar e levantar vezes sem conta. Não pretendo nada disso.

Pretendo recordar o dia de ontem, a noite passada e o dia que agora começa como um ponto de viragem, como um milestone em 33 anos de vida.

Começa agora um novo dia e com ele uma nova forma de ver a vida e de sentir o seu peso, e de calcular a sua importância.

Começa agora um novo dia e eu sinto-me bem.

Anúncios
|it’s a new Day, a new life, for me… And i’m feeling good|

|o melhor do meu dia – a caminho dos 32|

Um novo ano está prestes a começar.

À semelhança do 1º de janeiro, este dia marca para mim um recomeço.

Novos planos, novas metas, novas esperanças…

A cada novo ano, tudo se pesa e tudo se reajusta, e este ano não será excepção.

O último ano foi mau, honestamente mau, e simultaneamente rico.

Aprendi a relativizar, aprendi a lidar com a frustração, com a insegurança… aprendi a valorizar o que tenho e a valorizar quem me rodeia. Conheci novas pessoas, ganhei novas pessoas e perdi algumas durante este processo. Aprendi a lidar com a dor e com a incerteza. Aprendi que sou mais forte do que poderia pensar e que sou capaz de arregaçar as mangas e partir em busca daquilo em que acredito. aprendi que ser feliz só depende de mim e da minha real vontade em o ser.

Aprendi a partir pedra e a começar do zero sempre que necessário. Aprendi a fazer da força e da felicidade dos outros o mote para a minha força e para a minha felicidade. Não tenho de ser apenas aquilo que os outros esperam de mim, mas sim aquilo que eu espero e quero para mim.

Em vias de me despedir dos 31 e dizer “olá” aos 32, faço apenas alguns pequenos ajustes para o próximo ano:

– não criar demasiadas expectativas;

– nunca desistir;

– nunca duvidar de mim nem das minhas capacidades;

– viver um dia de cada vez;

– dormir melhor;

– comer melhor;

– tratar-me melhor;

– [continuar a ] fazer os outros felizes;

– [continuar a ] ser feliz com a felicidade dos meus;

– reinventar-me a cada manhã;

– começar cada dia com a energia e boa disposição de um dia de verão, de sol firme e cheiro a mar…

E venham daí os 32 e 365 dias de novos recomeços!

Always looking to the bright side of life...
Always looking to the bright side of life…
|o melhor do meu dia – a caminho dos 32|

|festas em família|

não há famílias perfeitas

assim como não há pessoas perfeitas

estas festas em família servem como partilha de tudo, do bom e do menos bom, mas tudo se releva pela paz e pelo bem comum

decidi observar os elementos mais pequenos da família, tentar perceber como têm crescido nos últimos anos, tentar perceber no que se irão tornar com o passar dos anos. apesar de não o querer, ainda continuo a distinguir entre os meus e os dele. talvez dependa de mim fazer com que os dele sejam meus também… talvez…

[fiz uma pausa enquanto escrevia e fui almoçar com uma das minhas pessoas que me deu a melhor notícia do mundo!!! Isto sim, é arrancar 2014 com esperanças renovadas! Venham de lá os meus e os dele porque o que se quer é casa cheia, muita alegria, muita festa e muita energia para um 2014 que promete! Como dizia alguém que adoro do fundo do coração: “ESTE” é o ano!, ou promete ser o ano com as maiores mudanças nas nossas vidas]

|festas em família|

|arranque difícil para 2014|

as mãos geladas

os pés gelados

dores de cabeça

garganta inflamada

um desconforto de todo o tamanho impedem de começar um novo ano como deve ser, cheia de energia e dinamismo.

neste momento, o tempo merdoso faz com que a energia esteja contida e faz com que deseje tornar ilícito trabalhar com este tempo assim. deveria ser instituído o recolher obrigatório, sempre que se verificasse chuvas e vento e temperaturas abaixo dos 13º…

|arranque difícil para 2014|

|O melhor do meu ano|

Fonte: Pinterest
Fonte: Pinterest

2013 foi o ano do contributo para o aumento da taxa de natalidade… nunca, em ano algum, a minha família cresceu como este ano!

2013 começou com a notícia da gravidez da Ana e da Joana… A caminho estavam já o Tomás e o Xavier, que deram uma volta de 360º ao mundo que nós conhecíamos. Estas duas criaturas deram origem a uma nova etapa das nossas vidas, na vida destas minhas pessoas, na vida desta família do coração.

Pouco depois da Páscoa soubemos que a Laura vinha a caminho… arrisca-se, seriamente, a ser o bebé do ano, pois deve estar mesmo aí a estourar. será mais uma Araújo para este clã de mulheres fortes e determinadas, que estava a ser dominado por uma terceira geração do sexo masculino.

A meio do ano chegou a Bárbara, uma das princesas da família e que vem perpetuar o legado dos Araújos neste mundo [nunca mais esquecerei a noite de 20 para 21 de julho! uma noite longa em que, sem saber que a M. já se encontrava no hospital, tive dores horríveis e sonhei com partos durante toda a noite! desconfio que tive dores de parto, mesmo que não saiba o que isso é…a M. é uma irmã de pais diferentes, mas uma irmã de verdade; tanto que conta agora com a minha mãe para ocupar um pouquinho do vazio deixado pela ausência da minha tia].

Por esta altura, o núcleo cá de casa regozijava-se com um novo membro a caminho! a minha irmã anuncia que está grávida e, à 2ª ecografia, a médica fez-nos querer que uma princesa Sofia vinha a caminho… Não é uma princesa Sofia, mas será um príncipe Diogo [isto se o meu afilhado não voltar a mudar de ideias quanto ao nome do irmão mais novo] que chegará mesmo a tempo da Páscoa.

Ainda antes do final do ano, a Tânia confirma as minhas suspeitas: mais um bebé a caminho! Ainda é cedo para saber se será um ele ou uma ela, mas é mais um a aumentar o círculo das minhas pessoas! É mais um a fazer dos meus dias, dias muito mais felizes!

No que à minha família diz respeito, estamos a contribuir ao máximo para a renovação de gerações!

2013 foi, claramente, um ano muito “fértil”… fértil de coisas boas, de esperanças renovadas, de novos rumos, de novas vidas… foi um ano intenso, com muita emoção à mistura e marcado por grandes mudanças.

2013 foi, claramente, um ano recheado de pequenas pessoas… de pequenas pessoas com o dom de mudar o meu e o nosso mundo. estou a apostar todas as fichas nestas crianças e tenho a certeza que não me irei enganar.

Faltam ainda um pouco mais do que 24 horas para o início de um novo ano… não estamos à espera de mais nenhuma surpresa, mas… nunca se sabe! 😉

|O melhor do meu ano|

| fechado para inventário|

01ed2827d85348669fc76bbd3a9841ac

2013 está a chegar ao fim e é altura de fechar para balanço.

Um ano que foi de extremos, que teve tanto de bom como de mau, que permitiu viver as maiores emoções e os maiores desgostos…

Se, por um lado, queria esquecer a passagem por 2013, por outro quero recordá-lo e comemorá-lo a cada instante.

A alguns dias do final do ano, este é o saldo:

  •  Perdi:

– muitas horas de sono
– alguns quilos
– pessoas que me são queridas
– o emprego (pela 1ª vez)
– a sensação de segurança

  •  Ganhei:

– alguns quilos

– novas pessoas

– novos desafios/projetos

– capacidade de relativizar

– tranquilidade

– um novo emprego

 

Bem feitas as contas, o saldo é positivo… não só em quantidade, como em qualidade.

2014 promete novas pessoas, novos desafios, novas metas… promete a concretização de alguns sonhos e o adiamento de outros.

Tudo o que é novo é cheio de promessas e é assim que eu gosto de olhar para o dia de amanhã: como um novo dia, feito de promessas para cumprir e desejos para realizar.

E é assim que eu vejo 2014 – uma grande promessa!

| fechado para inventário|

|kit fim de ano|

[ou kit essencial para festas]

DIY-New-Years-Eve-Favors-OSBP-12
Kit SOS Rambóia
DIY-New-Years-Eve-Favors-OSBP-11
Kit SOS Rambóia

 

A ideia não podia estar melhor conseguida e no timing perfeito!

As festas estão aí e com elas tudo o que é excessos…

Nada melhor do que aproveitar a época natalícia e brindar os seus com um mimo especial – e a pensar no bem estar de cada um 😉

 

Para mais pormenores, consultar aqui – Oh So Beautiful Paper

|kit fim de ano|