|agradecer|

Obrigado

uma palavra tão simples e que trago sempre junto dos lábios.

agradeço porque sim e porque não. agradeço quase como que um ato reflexo, quase de uma forma tão natural como o ato de respirar.

agradeço quando me seguram a porta, agradeço quando me cedem passagem na rua, agradeço quando me ajudam em qualquer atividade, agradeço quando me acarinham, quando me tratam bem e quando me tratam menos bem.

foi o meu pai quem me ensinou.

ensinou a agradecer e a cumprimentar. quem conheço e quem não conheço.

ficava admirada com a quantidade de pessoas que o meu pai cumprimentava na rua. ficava orgulhosa pois toda a gente conhecia o meu pai e o meu pai conhecia toda a gente. ficava de peito inchado ao caminhar de mão dada com o meu pai pelas ruas da vila, bem fora dos limites da nossa aldeia.

um dia perguntei-lhe se ele era amigo de toda aquela gente que cumprimentava.

disse-me que não. que apenas conhecia aquelas pessoas pois as “salvava”* na rua.

um dia, quando ainda não havia telemóveis, o meu pai teve um pequeno acidente de carro na vila e uma das pessoas que ele costumava salvar, veio em seu auxílio.

desde esse dia são amigos.

o meu pai sempre me disse que salvar as pessoas na rua não custa nada e pode valer-nos um amigo para a vida.

hoje, depois de passar um dia em família, rodeada de pequenas criaturas numa festa de aniversário, lembrei-me das palavras do meu pai. já ninguém salva ninguém. já ninguém agradece. ninguém cumprimenta nem ninguém diz obrigado.

agradeço ao meu pai as sábias palavras. agradeço ao pai os bons exemplos. agradeço ao meu pai os ensinamentos para a vida.

e agradeço à minha mãe por ajudar a dar corpo a estas palavras, por ajudar a perceber que o meu pai não é caso único, por ajudar a perceber que a magia da palavra “obrigado” não acontece só pelos lábios do meu pai.

hoje agradeço às minhas pessoas, às pessoas que fazem parte da minha vida, às pessoas que me salvam e que eu salvo todos os dias, às pessoas que se têm vindo a tornar amigos para a vida.

obrigado.

 

*salvar = saudar

Advertisements
|agradecer|

Para bater à porta...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s