|menos princesa, mais eu|

Nas peças infantis sempre tive o papel de bruxa má, duende ou qualquer outra personagem secundária.
Nas festas infantis sempre brinquei mais com os meninos e menos com as meninas.
Na escola sempre fui maria-rapaz e nunca a bonequinha.
Na adolescência sempre fui a melhor amiga e nunca o alvo da paixonite dos meninos, a rapariga pela qual todos os meninos suspiravam.
Durante toda a vida sempre fui aquele que se desenrascava bem sozinha, fosse para segurar sozinha o biberão, fosse para carregar alguma embalagem pesada.
Sempre fui mais do género elefante-numa-loja-de-cristais, mais ou menos desajeitada, com muito menos graciosidade que uma girafa [e muito menos pernas e pescoço, também].
Sempre fiz questão que assim fosse.
Sempre fiz questão de passar entre os pingos da chuva mas estar sempre lá. Sempre fiz questão de preservar as amizades e disfarçar os sentimentos.
Sempre fiz questão de me fazer de forte, de suster as lágrimas, de cerrar os dentes e suportar a dor.
Nunca me senti princesa, e hoje fiz questão de deixar o pouco de princesa que teimava em manter – os cabelos compridos que me permitiam entrançar umas quantas mechas – juntamente com os vestígios do verão que, a pouco e pouco, se vai embora.
Hoje fiz questão de voltar a ser eu, de voltar a sentir-me eu. Para isso foi preciso arrumar com 20cm de cabelo.
Olhando-me agora ao espelho sei que sou eu, completamente eu.
Nem mais menina, nem mais mulher, nem mais bruxa, nem mais princesa. Simplesmente, eu.

IMG_1512.JPG

Advertisements
|menos princesa, mais eu|

7 pensamentos sobre “|menos princesa, mais eu|

  1. o penteado parece estar giro mesmo assim, como tens o cabelo lisinho fica sempre bem…eu se cortar assim o meu cabelo é o triplo do trabalho para lhe tirar volume.
    tambem sempre fui mais maria rapaz quando era mais pequena, sempre gostei de brincar com carrinhos e jogar a bola, era a unica rapariga que os rapazes deixavam jogar…mas acho que quando nos apaixonamos as coisas mudam ligeiramente…eu mudei muito das vezes que me apaixonei, que me envolvi…e mudamos ainda mais quando nos dão valor…
    Beijocas*

    Liked by 1 person

    1. de há uns tempos para cá o meu cabelo deixou de ser liso… não sei o que lhe aconteceu mas começou a ganhar umas quebras… eu aproveito isso para fazer de conta que estar despenteada é um “look estruturado” 😉

      Liked by 1 person

      1. Pois dá um look mais natural e tudo…mas eu cortei o meu há uns anos e era para esquecer…muito trabalho. Assim comprido é lavar, meter oleo nas pontas e está, e só penteio ao lavar, depois fora de questão, se não a minha cara nem se vê no meio de tanto cabelo xD

        Liked by 1 person

    1. Sem dúvida, estes centímetros que se foram trouxeram uma nova vitalidade 😉 parece incrível como algo tão banal consegue trazer ao de cima um pouco da essência que se havia afundado entre camadas de cabelo 🙂

      Liked by 1 person

Para bater à porta...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s