|os dois lados da moeda|

Momentos felizes acabam sempre por se fazer acompanhar de uma máscara.

a máscara que coloco para ocultar o esgar de dor a cada toque nas feridas, a máscara que coloco para disfarçar o sorriso menos rasgado, a máscara que coloco para ocultar uma ou outra lágrima que teima em rolar mesmo contra todos os esforços para a manter no sítio.

não é fácil viver neste limbo, no limite entre a dor e o prazer, entre a felicidade e o desespero.

os sentimentos são honestos, saem cá de dentro, sejam eles de tristeza ou de extrema felicidade.

esta dualidade corrói e tenderá a chegar a um limite.

acumula, acumula, acumula, mas estou certa que deixará marcas.

aguardo pelas cicatrizes pois, estas, pelo menos, não doem.

aguardo pela noite e pelo sono pois estes inebriam a mente.

aguardo as lágrimas que lavam a alma e levam para longe todas as coisas menos boas.

sim, resta-me apenas aguardar.

Advertisements
|os dois lados da moeda|

Para bater à porta...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s