[o melhor do meu dia] – da mudança

71a5d5545a320bae561e5c7cee6f2a2a

E ao fim de 4 dias só uma coisa me vem à mente:

“Anita, tinhas [aliás, como sempre] tanta razão!!!”

Eu deveria ter aproveitado para descansar durante o tempo em que andei a procurar emprego e a meter-me em mil e quinhentos projetos, e a ajudar os pais, os sogros, as cunhadas, os sobrinhos…

Ao fim de 4 dias estou um caco…

completamente de rastos… fisicamente de rastos…

São cerca de 3 a 3,5 quilómetros diários, com vários lances de escadas à mistura, com saco do lanche a almoço e a típica mala de mu

lher atrás de mim, carregando uma espécie de capote e cachecol para o frio que nem chego a sentir… São cerca de 95 minutos de comboio e de metro, quase sempre de pé e um pouco tipo “sardinha em lata”…

Mais uns dias e acredito que esta nova rotina vá criar novos hábitos: dormir cedo, fazer refeições a horas, controlar as coisas que levo comigo…

Posso chegar ao final do dia de rastos, mas não poderia chegar a casa mais fácil!

Tinha saudades de sentir esta ansiedade de chegar a casa e aproveitar o conforto do meu lar!

[o melhor do meu dia] – da mudança

Para bater à porta...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s