Celebrar

Tínhamos combinado que não haveria presentes nem celebrações especiais…

Não há margem para gastos desnecessário e o importante é estarmos juntos (blá, blá, blá…)

Ele foi incumbido de reservar restaurante para, pelo menos, termos direito a um jantar diferente… (serviu como um teste, uma prova, pois acho que foi a primeira vez que fez uma reserva na vida, ou preparou algo que eu não soubesse – uma surpresa, vá lá!)

Até à hora de jantar houve muita coisa para fazer e mal nos vimos ou falamos…

Mas foi bom – muito bom – jantar só os dois, num dos edifícios mais altos da cidade do Porto!

fotografia 1 fotografia 2 fotografia 3 fotografia 5

[pena foi a constipação com que ele saiu do restaurante]

Advertisements
Celebrar

Para bater à porta...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s